Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Agora a Sério

Um local sério para se falar das coisas sérias de todos os dias. Só para pessoas que se levam muito a sério.

Agora a Sério

Um local sério para se falar das coisas sérias de todos os dias. Só para pessoas que se levam muito a sério.

Agora a sério - Os títulos enganadores chateiam

Hoje o post vai ser a sério, porque quando me chateiam, eu fico mesmo chateada.

Faz este Abril 20 anos que Kurt Cobain abandonou este mundo e com um documentário biográfico a estrear na América este mês, a Rolling Stone decidiu entrevistar a fiha do músico, Frances Bean, que tem a minha idade.

Ora, a miúda na entrevista revela que não gosta assim tanto de Nirvana

 

I don't really like Nirvana that much [grins]. Sorry, promotional people, Universal. I'm more into Mercury Rev, Oasis, Brian Jonestown Massacre [laughs] (fonte: Rolling Stone).

 

Mostrei a uma amiga minha, a dizer-lhe que se a miúda também não gostava eu sentia-me melhor comigo própria. Até que vejo a notícia esta notícia num jornal português e rio-me com a ironia da coisa, pois este exemplo do Sol é mau demais.

sol.jpg

Eu ainda dou a abébia ao Notícias ao Minuto e ao MyWay mas ao Sol? Andamos a criar semanários «sérios» para termos estes títulos enganadores? Esta estratégia de tentar ganhar leitores digitais é clássica mas não sei como é que eles ainda não perceberam que isto assim não resulta. Não é a primeira vez que isto acontece-me com o Sol mas parece que esta foi a gota de água.

O que mais me irrita nestes exemplos é que não é um erro do jornalista, é algo propositado para chamar a atenção do utilizador, para DEPOIS NO TEXTO a citação estar bem traduzida. É um mecanismo de sensacionalismo para impulsionar os likes mas que não resulta mais. Trata o leitor como se fosse burro, como se ele procurasse mais os títulos bombásticos do que a verdade. Desculpem informar-vos, mas são os jornais que gostam das grandes manchetes enganadoras e não os leitores. Podia resultar há cinco anos atrás mas já cansa. Já ninguém engole estes "erros". E isto aconteceu numa notícia menor, mas já vi o Sol fazer destas brincadeiras com assuntos bem mais sérios.

Devo dizer que outros jornais meteram títulos decentes, como o Público, que diz "Frances Bean Cobain chora quando ouve Dumb mas os Nirvana dizem-lhe pouco". Puxa a emoção mas pelo menos não distorce a mensagem. Já não podemos falar mal de todos, vá.

Como estou "irritada" com toda esta situação, já tirei o meu like da página do Facebook do Sol. Até aprenderem a tratar os internautas de maneira decente, eu fico de fora, porque eu não gosto de ser enganada. Ainda por cima percebo um bocado de Jornalismo por isso não gozem com a minha inteligência. 

 

7 comentários

Comentar post